Medicina Integrativa

Medicina Integrativa é a prática da medicina que reafirma a importância da relação entre o paciente e o profissional da saúde. Ela é focada no indivíduo como um todo e propõe uma parceria do médico e seu paciente para a manutenção da saúde.

O paciente deixa de receber passivamente o tratamento para uma doença e passa a participar ativamente da própria saúde. A saúde é também uma responsabilidade individual. Nesta parceria, a medicina integrativa reúne profissionais de diversas áreas e formações, defendendo que a interdisciplinaridade é essencial para cuidar da pessoa.

Utiliza-se a medicina convencional, focando na promoção e prevenção da saúde, associando-a com técnicas complementares – e não alternativas – como práticas meditativas, técnicas de respiração, relaxamento, atenção plena, uso de fitoterápicos, sempre baseados em evidências em relação à segurança e eficácia.